DAQUI A POUCO, O ATLÉTICO ENFRENTA O SANTOS, NA VILA BELMIRO.

Um jogo com desfalques sérios dos dois lados.

Não jogam no Galo, por vários motivos: Jairo Campos, Fábio Costa, Fernandinho, Daniel Carvalho e Zé Luis. São 5 desfalques, quase meio time.

Sem incluir na conta o Leandro, que é reserva de Fernandinho.

Apesar disso, o Atlético ainda tem um bom time para levar a campo.

Luxemburgo ainda está na dúvida entre duas equipes diferentes, ambas no 3-5-2:

1 – Aranha, Lima, Réver e Werley; Diego Macedo, Jataí, Serginho, Diego Souza e Ricardinho (improvisado na ala esquerda); Tardelli e Berola.

2 – Aranha, Lima, Réver e Werley; Rafael Cruz, Jataí, Serginho, Ricardinho e Diego Macedo; Tardelli e Diego Souza.

Deem seus pitacos, sempre muito pertinentes, em relação à equipe preferida de cada um.

No meu modo de entender o futebol moderno, não se abre avenidas para o adversário fazer festa em nosso sistema defensivo.

E se Ricardinho jogar de ala esquerda, estaremos extremamente vulneráveis em um jogo que é importantíssimo para a nossa reação no campeonato.

Pois Ricardinho só marca com o olhar, às vezes com um sopro tímido. Pode-se argumentar: _ Ah, mas desta vez Rafael Jataí estará desde o primeiro minuto e pode cobrir aquele setor!

E eu respondo. Se ele pode cobrir incansavelmente aquele setor, coloque-o lá de uma vez  então, ora bolas! E retorne o Ricardinho para o meio de campo.

Pois se Jataí vai ficar cobrindo a ala esquerda o tempo inteiro, Serginho estará sobrecarregado novamente! E jogadores sobrecarregados no meio de campo travam a iniciativa ofensiva e deixam o time encolhido lá atrás.

E contra o Santos, esse comportamento é fatal.

Porque não valorizar a velha e boa simplicidade? Basta colocar Diego Macedo na esquerda e estamos conversados!

Desta forma, se libera Jataí para dar cobertura às DUAS laterais e a cabeça de área. Assim Serginho poderá fazer o jogo que mais gosta, que é se transformar no fator-surpresa da equipe, além de fechar as portas costumeiramente escancaradas do meio de campo.

Mendez, pela primeira vez, viaja com o grupo dentro do território brasileiro. Pelo que ouvi, o negão está arrebentando nos treinos, mas não treinou entre os titulares nem um minuto sequer.

Se entrar em campo no domingo, estará entre estranhos, com os quais trocou apenas um aperto de mão de apresentação.

Réver estréia, finalmente. Tomara que faça uma grande partida, digna da esperança que temos nele.

E que o time, independente de sua escalação, dê liga e ratifique a retomada tão ansiada por todos os atleticanos.

Vamos pra cima deles, meu Galo querido!

PARA SEGUIR ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER, CLIQUE >>> @robertoclfilho

Anúncios

6 comentários sobre “DAQUI A POUCO, O ATLÉTICO ENFRENTA O SANTOS, NA VILA BELMIRO.

  1. Acho q só falta time no Galo mesmo, o maldito coletivo que deu uma aparecida tímida semana passada, a hora q encaixar ferrou geral p/ os adversários!!

    Pode improvisar o Werley no ataque, colocar o ricardinho na esquerda… o Galo vai ganhar e é isso q importa, aí o Luxa vai virar um gênio, todo mundo babando o ovo dele “Vcs viram o werley no ataque como deu um nó na defesa adversária” bla bla bla

    O lance é o RESULTADO! Quero ver o Galo comendo solto!!

  2. O Galo treinou hoje pela manhã. Não vi nenhuma notícia relacionada ao coletivo ( a não ser a de que seria às 10 da manhã). Nem no site oficial do Galo. Deve ser por opção do Kalil/ Luxemburgo que não liberaram para a imprensa. Deve ter surpresa por aí.
    Prefiro que arrisque o Macedo na esquerda e deixe o Rafael Cruz na direta. O que não quero é o Berola saindo para dar lugar ao Diego Souza no ataque. Diego Souza é armador. Berola rende muito mais que ele no ataque. E aí, saca um zagueiro e dá lugar ao Jataí? Ou saca o Ricardinho? Acho bom que entre o Jataí auxiliando o Macedo na esquerda e tire um dos zagueiros (Lima ou Werley).

  3. BOm dia, Roberto e Galera!
    Não tem jeito! Quero dar algum palpite sobre o jogo e a única coisa que tenho a fazer é concordar com o blogueiro!!! Rsrsrsrsr
    Bom, o meu receio é exatamente o que o Roberto falou, quanto à lateral esquerda: deixar um corredor para um time como o Santos, é caixão. E ainda mais deixando livre o lateral direito deles, que é um dos melhores do time.
    Portanto, Luxa, sem enrolação, sem vacilo: não impute ao Ricardinho a responsabilidade de “marcar” a lateral, pois ele não dá conta. Se for para deixar igual a partida contra o Guarani, que fique o Werley fixo na lateral esquerda. E acho que o DIego Macedo, mesmo “torto”, como foi falado, segura melhor a onda do que dar ao Ricardinho uma responsabilidade inata a ele.
    E estou acreditando muito no menino Jataí para segurar o Ganso. Reconhecemos o categoria dele, mas o Jataí tem que fazer ele virar “pato”! Pelo menos no jogo de hoje…
    E, Tardeli artilheiro isolado. Vamos torcer.
    E, dá-lhe, Galo!

  4. Robertão, estou muito com o pé atrás quanto a esse jogo. Me custa a acreditar que o Galo consiga a vitória. Apesar de vir de dois triunfos, o futebol do Glorioso anda capenga. A displicência do Luxa quanto à cabeça de área anda tirando meu sono. Não ficarei surpreso com um 3×0 negativo.

    PS: visite o Copo Sujo em sua nova casa, no http://www.coposujo.net! Um abraço!

  5. Bom dia Poeta!
    Cara, apesar de gostar do Luxemburgo técnico (nunca manager), não posso deixar de criticá-lo. Não entendo o por quê de tanta indecisão? É simples, não tem lateral esquerdo mas o Macedo já jogou na esquerda, então coloca o cara, uai! Colocar, na lateral, um meio campista que tem qualidade incrível para lançar os companheiros, mas que não consegue marcar nem a própria sombra é perdir pra levar gol, principalmente do ofensivo ataque do Santos. O Galo tem um ótimo elenco, apesar dos desfalques, temos um grupo capaz de fazer um bom jogo. Então pra que ficar inventando moda?
    Na minha opinião o time do Galo para esse jogo seria: Aranha, Rafael Cruz, Réver, Lima, Diego Macedo, Rafael Jataí, Serginho, Ricardinho, Diego Souza, Neto Berola e Diego Tardelli. Pronto, simples assim.
    Abraços!

  6. Eu acho que o jogo nem começou a escalação nem saiu e a turma já esta com medo de isso ou aquilo dar errado.
    Se por o Ricardinho lá é claro que não é pra marcar, qualquer um sabe que o Ricardo é criativo e ele não vai ficar ali igual um bobo correndo atrás de ninguêm. Ele vai criar as jogadas e outro que já está orientado pelo Luxemburgo vai marcar. Simples assim.
    Diego Macedo esta meia boca da direita que dirá na esquerda…
    Concordo com o técnico do Galo.
    Por um canhoto na lateral esquerda ainda que seja o Ricardinho é o melhor a fazer!
    Eu quero é vitória hoje, literalmente.

    Galo sempre!

Os comentários estão desativados.