MILAGRES ACONTECEM! REZEMOS POR ELES.

É incrível como um gol a favor pode fazer tanto mal ao Atlético!

A equipe, surpreendemente, vinha jogando bem. Até o momento em que aconteceu o gol de Daniel Carvalho.

Foi como se as luzes se apagassem na Arena do Jacaré.

O toque de bola, que vinha se constituindo na principal virtude, desapareceu. A saída da defesa para o ataque, que antes era feita de forma tranquila, se transformou em chutões desesperados.

E a cada chutão, mais uma posse de bola do Flamengo.

Desse jeito, não há Cristo que resista. E foi o que aconteceu. Ronaldinho Gaúcho, anulado em campo pela boa marcação do Atlético, reapareceu e empatou a partida.

Novamente ressuscitado pelo mesmo time que o presenteara com um balão de oxigênio no primeiro turno.

Só depois que sofreu o empate, é que o Galo conseguiu igualar o jogo, embora, desta vez, correndo riscos que no primeiro tempo não correra.

Tanto que Renan Ribeiro, repetidamente criticado neste espaço, foi forçado a fazer defesas difíceis _ uma delas, dificílima _ e foi o responsável direto por evitar uma derrota catastrófica.

Fazia tempo que defesas deste naipe estavam esquecidas no repertório do jovem goleiro.

Como tramas envolventes e conclusões acertadas estão esquecidas no nosso ataque!

O Atlético hoje tem mais compactação no meio de campo, uma marcação mais acirrada em todos os setores de campo, mas não machuca o adversário em sua área. O nosso ataque é baseado nas poucas improvisações de jogadores extremamente limitados tecnicamente.

E quem irá me dizer que um atleta apenas razoável improvisa _ ou cria _ bem?

Ontem, o Galo poderia ter saído de campo com uma vitória, não fosse o congelante medo de vencer.

A auto estima dos jogadores anda tão em baixa, que eles não se sentem seguros e nem confortáveis com um placar favorável, por mais absurda que essa tese possa parecer.

E acho que, nesta altura do campeonato, nem um psicólogo do nível de Freud poderia alterar tal comportamento.

E olha que estávamos jogando em nossos domínios, com a torcida a favor. A tendência natural seria agredir ainda mais, ir em busca do segundo gol, pois o Flamengo estava mal em campo.

Vendo o que aconteceu, dá para imaginar a agonia de se manter um placar positivo em campos inimigos!

Enfim, a saga continua. O doloroso sofrimento da nação atleticana é fruto de decepções semanais, como uma tortura medieval lenta e sádica.

A verdade é que estamos numa nau sem rumo e sem vela, sem um comando de pulso e ao sabor do vento. Sem perspectivas de curto prazo. Então, só nos resta pensar que…

Milagres acontecem. Rezemos por eles!

Para seguir este blogueiro no twitter, clique >>> @robertoclfilho

Anúncios

21 comentários sobre “MILAGRES ACONTECEM! REZEMOS POR ELES.

  1. Pela sua crônica percebo que você viu o mesmo jogo que o Cuca, ou seja, que o Galo jogou muito bem e que não venceu por um detalhe.
    É Roberto, ao que parece você deu um tempo do blog para recompor seu sistema digestivo a fim de que pudesse voltar a digerir as apresentações do Atlético da mesma forma como sempre fez… com resignação, complacência, etc
    Esse é o mal da torcida do Atlético, nos acostumamos a perder, colecionar vexames, apenas participar de campeonatos…
    Veja só: o Corinthias perdeu pro Santos no final de semana, saiu da liderança para o 3º lugar do campeonato e a torcida queria engolir o treinador e os jogadores.
    E a Massa do Galo o que faz? Nada! Fazer o que? Pra que? Afinal, cobrar pra q … jogamos bem, quase vencemos e o nosso problema é apenas a baixa estima ds jogadores. Não é mesmo Roberto?

    1. Cara, eu escrevo uma coisa e vc lê outra? Quem disse que o problema é “apenas” a baixo auto-estima dos jogadores? Onde vc leu isso? Aqui não foi.

      Uma crônica tão crítica e ácida e vc ainda a denomina de resignada e complacente?

      Quer o que? Que se jogue uma bomba na Cidade do Galo? Ora, ora…

      Respeito o seu fundamentalismo xiita, mas peço o mesmo da sua parte para opiniões q não batem com as suas.

      1. “Ontem, o Galo poderia ter saído de campo com uma vitória, não fosse o congelante medo de vencer.

        A auto estima dos jogadores anda tão em baixa, que eles não se sentem seguros e nem confortáveis com um placar favorável, por mais absurda que essa tese possa parecer.

        E acho que, nesta altura do campeonato, nem um psicólogo do nível de Freud poderia alterar tal comportamento.”

        Tirei isso da minha cabeça? Parece que não né!?

        Gostaria sim de uma bomba na Cidade do Galo pra mandar pros ares todos os vagabundos incompetentes de que lá desfrutam.

        E gostaria mais ainda de uma postura diferente da nossa torcida…participativa, vibrante, inconformada, radical, xiita…

        Mas fique tranquilo, essa minha opinião é isolada. Abaixo aparecerão outras diferentes em que outros torcedores concordarão em esperar por um milagre.

        1. As frases q vc colheu não significam que a baixo auto-estima sejam AS ÚNICAS motivações para o time não ganhar. Foram citadas outras razões… a falta de ataque, por exemplo, entre outras. E vide outros posts. Não as use fora do contexto.

          Mas não vou manter essa discussão não. Entenda do jeito que vc quiser.

  2. O Atlético está a cada jogo, ganhando selos de time rebaixado. Cria mas não conclui com qualidade, joga bem mas perde, tem desfalques…
    Não quero jogar a toalha, mas realmente só um milagre nos salva esse ano. Valeu Kalil!

  3. Roberto , ontem era p termos sapecado o rabo destes mulambos de com força.Jogo p redimirem-se, da vergonhosa derrota p o similar goiano sábado p p,mas ao contrário do q se aviltava,caíram na mesmice de sempre,correram errado,recorreram a chutões,pouco valorizaram a posse de bola, mais isso, mais aqlo, tanto fizeram os moços q o castigo, veio num chute despretencioso do ¨ruinzim gayúcho¨q de bonzinho tem nada,maldoso ao extremo,merecia o vermelho na entrada violenta no Pierre [aqui um parenteses,queria ter no meu GALO,11 do mesmo naipe dele,cabuquim porreta ele viu! ] .Nunca é uma palavra forte por demais, porém vou usá-la assim mesmo ; NUNCA uma equipe qqr, sairá vencedora de um embate,se não tiver armas de ataque, que a façam superar os adversários .Nosso ataque é NULO,pode-se compará-lo a um eunuco casado com uma moça,que nasceu virgem e morrerá virgem,a não ser q o ricardão faça o serviço p ele . Podemos creditar esta lambança q temos visto ao MALUf maria, é merda em cima de merda,o q este salafrário vem fazendo no CAM e,o kalil é outro, q tudo vê e finge q não é com ele.Já era p ter corrido com toda esta mariada,q aportou na cidade do galo,só falta ele trocar nossas cores pelo azul calcinha,só falta isto,de resto … deixe p lá ! Tem de ter muita paciência p ver jogos deste timeco ai hj , teste p cardíaco. Quer ficar de mau humor, ter taquicardia,crise de úlcera,roer unhas dos pérs ,sente-se á frente de uma tv p ver um jogo, dqlo q um dia já foi orgulho de todo ATLETICANO q se preze . Vergonha …!!!!!

  4. Roberto, tem umas coisas que os treinadores do Atlético fazem que eu não entendo. Falta lógica nas suas decisões. Isso eu acho que o Kalil como “chefe’ deveria questionar com o treinador. Veja só:
    – no jogo passado o Wesley não servia para entrar no lugar o Berola, no jogo de ontem entra como titular;
    – jogo passado o Guilherdo que não vem jogando nada foi titular; no jogo de ontem .. cadê o cara? Não que eu queria vê-lo no time estou apenas citando as incoerências;
    – jogo passado o Cambalhota, entrou e jogou até que razoavelmte bem; no jogo de ontem que precisávamos de um jogador para desafogar na hora em que o flamego partiu pra cima … cadê o cambalhota

    Concorda comigo? .

    1. Wesley: Concordo com vc.
      Guilherme: Sentiu dores musculares e não pôde ir pro jogo. DM, como sempre.
      Cambalhota: Edema na coxa. Tem mais tempo no DM do q jogando.

      Em suma, é dose pra leão.

  5. O planejamento com o Dorival foi totalmente errado e mal avaliado e pagamos muito com o Dorival no começo do campeonato e agora vamos reecontra-lo em um time que não foi formado por ele mas pelo clube o treinador chegou e encontrou um elenco formado.
    Não é o nosso caso que é um time em formação mas qto tem leva para montar um time ?
    Temos uma deficiência enorme no nosso ataque que não consegue prender a bola na frente que acalme o jogo.
    E o pior é que me faz lembrar a declaração do Kalil para a venda do Tardelli que ele teria mais um ano de contrao e no final desse ano poderia fazer um pré contrato com outro time. Mas o cara era ídolo da torcida e pq não renovou o contrato dele para mais uns 3 ou 4 anos ? Como outros clubes fazem para manter o jogador.
    Já tinha vacilado com o Obina e depois com o dono da 9. Não sou viúva do Tardelli mas o cara nem titular é no time dele e aqui faz uma falta do caramba.
    Manda o Guilherme de volta pra Rússia juntamente com o xará Guilherme Santos e volta mais 1 milhão. Que não vai ser um prejuizo. Se eles chorarem manda o Patric de lambuja.

  6. Salve minha gente, amigos do L&N e do Galo
    Depois, de alguns dias me recuperando de uns probleminhas, estamos ahí de volta, triste pelos resultados de nosso Galo, mas tudo que começa errado, nunca dá certo e estamos apena vendo o tempo correr, e os erros acontecendo, um atras do outro, mas para mim isto já faz tempos ou seja, desde 1972, nunca mais tivemos time para ser campeão, para ganhar alguma coisa,, apenas fomos nos enganado dia a dia com algumas apresentações, colocações em campeonatos, mas que não conseguimos ganhar.
    Não adianta falarmos que tivemos mais pontos, ou que fomos roubados, ou prejudicados, mas não conseguimos nos intento e nossa vontade e nosso sonho que é TÌTULOS, então todos mas todos mesmos, erraram e muito, na presidencia do GALO, não salva ninguem, o motivo, teve vários, cada um deu a sua desculpa, mas erramos, e muito, até mesmo atorcida, quando endeusa jogadores, e não venha me falar que não, pq é a torcida que coloca apelidos e predicados nos jogadores e diz, fulano é seleção, fulano é rei, enfim, eu não falo estas baboseiras, mas não posso me excluir da Massa, somos também, muito errado, por irmos a jogos lotar Mineirão e outros estádios e gritar, bater palmas, festejar, POR NADA, ou alguem ahí tem coragem de dizer que não fez isto, ENTÃO SOMOS CULPADOS, tão quanto os presidentes diretores gerentes tecnicos e jogadores.

    Pensem no que falei, eu sou culpado e você!!! o que fez .

  7. Podem até xingar ou criticar e fazer xacotas, com as contratações,

    Mas eu espero, para ver o que acontece,
    afinal, todas que eu festejei nestes 3 anos deram errado, e vou enumerá-las……..
    Fui culpado da vinda do Caceres, infelizmente, achava que seria o xerife da nossa defesa.
    Ricardinho, sempre gostei do futebol dele, para mim, um craque de bola, mas não foi nem 10% do que foi no santos,são paulo ou corintians.
    Como enganei com o Jairo Campos, foi somente o primeiro jogo, depois, caiu no ostracismo, na rotina, que é jogador não vingar no Galo.
    Carini, como enganei com este goleiro, pq o cara não jogou no Galo, esperava demais dele.
    Zé Luis, foi um ótimo jogador no São Paulo, tanto jogando na lateral como de volante, e chegou jogar até de zagueiro (falso) no primeiro combate, no Galo, foi ruim além dos problemas extra campo.
    São inúmeros jogadores, que vieram e não deram certo, poucos, mas poucos mesmos vingaram.

    Assim, digo a vocês amigos, tenho assistido a série B, pq gosto de ver jogadores surgindo, e o Carlos Cesar, é razoável, desde o Guarani no Mineiro, no Boa começou na reserva porque o Jackson, é ótimo lateral e é do Boa tbm, machucou e C. Cesar assumiu, e estava jogando bem, melhor que serginho e mancini isto eu aposto.
    Quanto ao Didira, também, era o astro lá do ASA, e um dos bons armadores de destaque da serie B, tem outros armadores, mas quem sabe poderá dar certo, os NOMES as ESTRELAS não vingaram, quem sabe um desconhecido, poderá no ajudar.
    Então prefiro esperar, afinal, o Pierre veio nem treinou, jogou e hoje é um dos que salvam nesta draga de time.

  8. Confesso que não acompanho a série B, então procurei encontrar estatísticas sobre os jogadores contratados. O Didira do ASA tem 4 assitências e 6 gols na série B. Em relação ao Carlos César não encontrei nada. Mesmo que eles sejam desconhecidos o que se deve ter é uma análise criteriosa da necessidade da equipe e da capacidade deles. Não vou criticar, pois necessitamos de um LD. Um armador é bem vindo, somente com o Daniel Carvalho não dá pra viver. Espero que dêem certo aqui!
    GALO!

  9. Milagre seria se o GALO arrancasse rumo ao G4. O GALO não vai cair, e o time fresco do outro lado da lagoa corre muito mais risco que a gente, essa é a verdade.

    Uma constatação: Mais chato que “maria” são “atleticanos” que acham que devemos SÓ criticar e deixar de ir ao campo pelo fato do Atlético estar vivendo o pior momento de sua história (dentro de campo). E mais irritante ainda é não aceitar que DE FATO o GALO merecia estar numa posição bem acima da atual. E eu não posso culpar o azar, pois isso acompanha o GALO desde 1972. Muito menos posso por a culpa na ladroagem da arbitragem, essa acompanha o GALO desde 1980. A culpa é do gasparzino. Se não for dele, é do Kalil, que nunca escutou a “inteligentíssima” torcida que “nunca” pediu Luxa, Cáceres, Mendez, Diego Souza, Ricardinho, etc.

    Bom, vou deixar esse bando de “profeta do acontecido” pra lá e falar de que eu vi lá na Arena.

    FOI UMA HONRA VER O RÉVER JOGAR CONTRA O flamengo. QUE ZAGUEIRO É ESSE? O Galo tinha que ter ganhado o jogo para que a atuação desse jogador ficasse marcada na história do futebol. O futebol que o Réver apresentou tinha que ser colocada numa moldura.
    O Kalil tem que comprar 50% do passe desse cara. É o melhor zagueiro que o GALO já teve desde Luizinho.

    Abração!

  10. conceitos para o jogo de ontem (inter x galo)
    Giovani: não teve culpa nos gols, mas não inspira confiança – FRACO
    Mancini: nunca jogou nada. HORRÍVEL
    Rever: zagueiro joga em pé, fi. Deitou prá quê no primeiro gol do inter? – FRACO
    Léo: zagueiro tem que cabecear prá longe da área, fi. Deu o segundo gol. FRACO
    Triguinho: mérito por saber que é ruim, fica só na defesa. RUIM
    F. Soutto: perdido em campo. RUIM
    Dudu CE: tá com a vida ganha, peladeiro: PÉSSIMO
    Richarlysson: não vou comentar, podem me acusar de homofobia: HORRÍVEL
    Daniel: é gordo, mas pode emagrecer; e outros que são perna-de-pau? REGULAR
    Magno: é velho, e não pode rejuvenescer. RUIM
    Bernard: é novo e vai envelhecer, corre bastante por enquanto. REGULAR
    Carlos não-sei-quê: acertou um cruzamento! Calma gente, sorte existe! SEM CONCEITO (ainda)
    Renan Oliveira: acordou um tiquim e Gol! Ah, se jogasse pro time, sonecão! REGULAR (pelo gol, só)
    André: entrou no jogo? não vi! PÉSSIMO
    Cuca: escalou mancini e richarlyson? sim, então conceito PÉSSIMO.

  11. Três km de fila , gente maluca por todos lados , cidade do rock maior e melhor que a de 85,som pesadão ,Tambores do Bronx soando alto ,bandeira de Minas e Escudo do GALO no peito do Paulo Xisto(baixista do Sepultura) no palco,guitarrista do Motorhead envergando o Manto sagrado do alvinegro,Slipknot som malucaço,Metallica é sempre Metallica ,mais de 20 hrs de metal puríssimo Yeeeaahhhhhh!!!! 26 anos depois eu fui de novo .Galo e Metal na veia \m/*-* yeeeaahhhhh !!!!!!

    Qto ao jogo !!! não vi,por razões obvias rsrs…(foi-se o tempo,em q eu trocava um domingo como o de ontem,por um JOGO do GALO,hj não mais!!!) apeguemo-nos á calculadora,porque no campo: _ temos um time q não nos representa dignamente,só isso ….

Os comentários estão desativados.