PONTE 0 X 1 ATLÉTICO – A RAÇA VOLTOU?

Estréia com vitória é sempre estréia boa!

Independentemente do quanto produziu nos 90 minutos da partida, o que importa de verdade são os 3 pontos devidamente guardados na sacolinha.

Embora o gol só tenha acontecido no apagar das luzes, não existe momento melhor para a sua marcação numa partida que vinha empatada. Não havia mais tempo sequer para a habitual _ e perigosa _ retração da equipe quando está vencendo.

Foi um jogo muito parelho nas duas etapas. O Atlético compactou bem o meio de campo e impediu que a Ponte Preta desfilasse por ali. Em compensação, teve dificuldades no ataque, onde André não fazia mais do que se jogar cavando faltas.

Algumas peças da equipe alvinegra foram anuladas pelos pontepretanos ou se anularam por seus próprios erros. Danilinho pouco fez e Dudu Cearense parecia pisar em ovos. Tivesse permanecido para o 2º tempo (já com um cartão amarelo na conta) e teria sido expulso, tal a falta de senso de tempo de bola nas divididas. Mas, por causa do longo período de inatividade, entende-se perfeitamente.

Mancini também não foi bem e pouco produziu nas quatro linhas.

Por outro lado, Richarlyson fez a sua melhor apresentação no time atleticano. Um ano e tanto depois de contratado, atuou em nível parecido com aquele que mantinha no São Paulo. É tempo demais para mostrar um futebol melhorzinho? É, mas antes tarde do que nunca. Temos ainda 37 rodadas pela frente!

Também destaco as atuações seguras e sérias de Réver e Giovanni. Em tempo de plantel recheado de goleiros fracos, há de se reconhecer quando um deles joga bem. Quanto à Réver, jogou como zagueiro e não se meteu a enfeitar jogadas.

Continuamos firmes na jornada em prol de reforços para encorpar a equipe. Ainda não temos força suficiente para encarar os melhores conjuntos do país, principalmente quando estes já não estiverem disputando torneios simultâneos, o que contribui para desviar o foco.

Não me iludo com a vitória de domingo e tampouco me furto de valorizá-la. Foi excelente sim!

Ressalte-se aqui a aplicação tática e a garra de todo o time, mesmo aqueles que não estavam em tarde inspirada. Não fosse isso e não teríamos saído de Campinas com a vitória.

O Galo sempre foi exaltado e temido muito mais por sua entrega em campo do que por uma técnica excepcional.

Parece que depois de uma longa e tenebrosa ausência, a raça volta a ser parte integrante de nosso cotidiano. Que seja sempre assim daqui para a frente!

SIGA ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER clicando aqui

Assista aos melhores momentos:

Anúncios

8 comentários sobre “PONTE 0 X 1 ATLÉTICO – A RAÇA VOLTOU?

  1. Galo conseguiu numa jogada treinada pelo Cuca com os convidados especiais: 2 zagueiros e o goleiro da ponte. E no finalzinho deu certo:

    – Danilin cruza na cabeça do zagueiro 1 que devolve na cabeça do Escudeiro fora da área. Este cabeceia em direção zagueiro 2 que finge que vai chutar, deixa passar. E o goleiro (tudo combinado) finge que é atrapalhado pela furada do zagueiro e… Gol. Ah, e bem no final do jogo pra não dar tempo de nenhuma reação.

    Tudo bem ensaiadinho…

    Ô Cuca, faz favor, vc dizer que foi jogada ensaiada é triste, forçou amizade, hein?

    Três pontos na sacola, ótimo. Tivemos sorte e contamos, como diria Joe Cocker: With A Little Help From My Friends …

    Vamos ter que melhorar muuuuiiiito.

    Vamos lá, Galô!!!

  2. Só vou falar sobre 2 coisas hoje:

    1. Danilinho: PÉSSIMO DOS PÉSSIMOS. Desde o começo do ano venho dizendo isso, e só na cabeça do Cuca ele é titular, mesmo com esse elenco meia bomba (e que adora DM) do galo.

    2. Cruzamentos: Nem na várzea se cobra tão mal escanteios e falta. O que está ocorrendo???

    Faltam 72 pontos!!
    (temos que mirar longe, pois esses jogadores vão na conta do chá. Se mirar na fuga do rebaixamento, vamos sofrer)

  3. Que bom que você conseguiu ver raça nesse time, compadre.

    Eu, particularmente, detestei a atuação de quase todos os jogadores, com as exceções Réver e Giovanni.

    Bernard está muito mal, DEUS queira que não seja outra ilusão como Renan Oliveira, Tchô, Cairo, etc.

    Os três pontos fora de casa foram importantíssimos mesmo. Bom por ter quebrado esse tabu contra a Ponte que já estava irritando.

    Gostei também do Escudero ter sido o autor desse gol heroico. Tomara que ele deslanche agora e comece a apresentar o mesmo futebol da época do Grêmio

    Abração!

  4. Essa garra ajuda,mas não basta,não é Roberto ?! Ficaram bem claras, as deficiências que persistem desde o início da temporada.Falta uma cabeça pensante neste time ,para fazer a bola chegar com qualidade ao ataque e um matador nato, para empurrá-la prá dentro da casinha. Três zagueiros é um esquema interessante,mas com ele, precisa-se ter dois bons alas e armadores inteligentes, coisa que ainda carecemos ter. 50 erros de passe,escanteios improdutivos — no aeroporto em campinas, houve até um bate boca do cuca com um torcedor, por conta disto — não há jogadas ensaiadas ,num campeonato longo e cheio de surpresas,temos de melhorar muito. Valeu a vitória,valeram os três pontos,mas aquela confiança que o time deve passar,ainda é xôxa ;e o campeonato, está apenas em seu início.Fortes emoções pela frente,irmão.Mais vamu na fé, faltam agora 68 pontos para sairmos campeones .Uma coisa é certa,talvez esteja na hora de uma dupla ser desfeita : sai a dupla kalil/maluf e entra a dupla kalil/Bebeto de Freitas,sonhar não custa nada não é mesmo … rsrsrsrs 🙂
    Abs man e #GaloSempre

  5. Boa tarde

    OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA

    O Galo não jogou bem, mas o que valeu foi a importante vitória.!
    Jô? Kalil você falou tanto em trazer o Forlan e me traz o Jô?
    Esse cara foi dispensado do Inter devido ao mal comportamento extra-campo. O Cara é um baladeiro e não joga mais nada!

    UMA PERGUNTA QUE NÃO PODE CALAR?

    Kalil, quais são os critérios para contratações?
    Porque essa diretoria tem contratado só jogadores: ex-timeco falido, veteranos e baladeiros?

    OBSERVAÇÃO

    Grande parte da imprensa tentou culpar a arbitragem pela vitória do Galo, devido aquele lance polêmico, quando a bola bateu no braço do Leonardo Silva, que de acordo com MÁRCIO RESENDE, NÃO FOI PÊNALTI!

    PROTEÇÃO DA IMPRENSA AZUL( itatiZEIRO, rádio globoZEIRO-Minas,Tv Alterosa, Band, Globo, site super esportes, Uai, Jornais O tempo, estado de Minas, Rede Minas, etc…) AO TIMECO FALIDO

    Acreditem amigos e amigas, tem jornalistas comemorando o empate contra o atl/ genérico!
    Usaram como desculpas: desfalques, falta da torcida e expulsão de um jogador do timeco falido.

    SÓ QUE NÃO COMENTARAM QUE O ATL/GENÉRICO JOGOU SEM MEIO TIME TITULAR!,
    O TIMECO FALIDO SÓ TORCIDA NA GRANDE BEAGÁ!
    A EXPULSÃO DE UM MARIA ACONTECEU AOS 30 MIN DO SEGUNDO TEMPO!

    TIMECO FALIDO X ATL/GENÉRICO TEVE O MENOR PÚBLICO DA RODADA
    MAS A IMPRENSA AZUL NÃO COMENTOU E TAMPOUCO PUBLICOU!

    Como é do conhecimento de todos, o Timeco falido só tem torcida na grande beagá! A prova disso aconteceu ano passado, quando jogou em Uberlândia a CHINA AZUL como é tratada por alguns da imprensa – MG, foi inferior numericamente as torcidas de: Flamengo, Corinthians, São Paulo, Inter e Fluminense.
    Quando a diretoria percebeu o fato, transferiu os jogos contra Palmeiras e Vasco para arena do jacaré, já prevendo que aconteceria o mesmo fato
    E Ontem para comprovar essa tese, o Estádio estava praticamente vazio!
    DETALHE: pesquisei em todos os órgãos de imprensa de minas e ninguém teve a coragem de publicar o público e a renda, certamente a mando de alguém!
    Mas graças ao Blog do Juca, estou passando essa informação aos torcedores e blogueiros!
    O pior foi no Parque do Sabiá, em Uberlândia, exatamente para fraquíssimo 0 a 0 entre Cruzeiro e Atlético Goianiense, com menos de 4 mil pagantes, 3.964 para ser exato, um fiasco.
    E a média de público não chegou a 10 mil pagantes por
    Fonte: http://blogdojuca.uol.com.br/

    ALGUÉM AINDA TEM DÚVIDA DA EXISTÊNCIA DA IMPRENSA AZUL?
    O PIOR É AINDA EXISTE GENTE QUE DEFENDA ESSA SUJEIRADA, DEIXANDO DE PUBLICAR OS FATOS TALVEZ POR COMPROMETIMENTO, MEDO OU RABO PRESO!
    ESSE TIPO DE GENTE NOS CAUSA NOJO E ÓDIO E CONTAMINAM O MEIO AMBIENTE!

    1. Concordo com o companheiro Júlio César, no que concerne aos 3 pontos e a partida fraca. Á respeito dessa famigerada imprensa azul, minha opinião é semelhante, em função da mesma indignação, não só por ser atleticano apaixonado e ex- fanático, mas por não concordar com o favorecimento de uma pequena, corrupta e falida banda podre do futebol, que para eles os fins sempre justificam os meios. É inaceitável oque eles fazem com o futebol!!!

  6. Só uma coisa: Deus, não deixe o Kalil pagar 10 milhões de euros no Forlan! Não deixe o Kalil fazer essa besteira monumental! Por favor, por favor, por favor…
    amém.

  7. Se o Galo jogar assim com esta pegada, sendo que como visitante ate surpreendeu, vai longe…e olha com serios desfalques….

Os comentários estão desativados.