GRÊMIO 0 X 1 ATLÉTICO – NA BOLA E NA RAÇA!

A repetição de jogos sempre com uma enorme gana e a mesma obediência tática começam a consolidar um sentimento de segurança na mente do atleticano.

A Massa está voltando, pouco a pouco, a acreditar que é possível. E esse clima de confiança mútua é que dará a liga necessária para a equipe deslanchar de vez, tenho certeza.

Não ganhamos absolutamente nada ainda. Estamos apenas na 7ª rodada de um dos campeonatos mais difíceis do mundo. Mas se avaliarmos com justiça a doação coletiva do time em busca de um mesmo objetivo, nós temos de abraçar a mesma causa e seguirmos, time e torcida, por um só caminho, ao som glorioso de um só hino. E que, a partir de agora, se decrete o fim das vaias, PELO AMOR DE DEUS!

Ontem foi na bola e na raça! O Grêmio, no início, se lançou ao ataque como sempre faz no Olímpico. O Galo se retraiu demasiadamente e a impressão que se tinha era que o time sulista marcaria a qualquer momento.

Entretanto, o Atlético foi encaixando seu jogo de acordo com o que ia conhecendo de seu adversário. Em bloco defensivo sólido, contentava-se apenas com os contra-ataques, mas estes eram rápidos e agudos.

Num destes, depois de escanteio, Bernard alcançou uma bola perdida, aplicou dois lençóis em dois gremistas e serviu com afeto e com açucar a Jô, que estufou as redes de voleio. Um golaço que merece uma placa no Olímpico!

A partir daí, o Atlético se fechou ainda mais e apostou todas as suas fichas nos contra golpes. E foi assim até o final da partida. Sobretudo no 2º tempo, parecia que o Grêmio sufocava o Galo em seu campo. Mera ilusão. Enquanto o tricolor gaúcho atacava, o Atlético perdia gols. Mais um ataque do Grêmio, mais um gol perdido pelo Galo.

Uma palavra define bem o comportamento tático da equipe: CIRÚRGICO!

Enquanto a torcida gremista vaiava Ronaldinho Gaucho, Bernard partia como um bólido pela esquerda. Só a jogada do gol pagaria qualquer ingresso, seja VIP ou popular. Na minha opinião, foi novamente o melhor em campo. Outro destaque foi Danilinho. O sacrifício de seu próprio estilo em favor do trabalho coletivo, atuando entre os volantes e na cobertura do lateral-direito, além de encontrar forças para estar na área adversária, é digno de admiração de quem entende de futebol.

E na esquerda, Bernard fez o mesmo. Ouso dizer que Bernard e Danilinho hoje são o esteio do esquema do Galo, embora Bernard tenha um papel mais ofensivo que Danilinho. Sinceramente, com tanto esforço físico, receio pelas condições dos dois até o fim da temporada.

Destacar Pierre e Donizeti está virando lugar-comum. Ambos são um terror para qualquer oponente. Zé Roberto que o diga. O máximo que conseguiu foi simular faltas a toda hora e trocar passes laterais. A cada dia que passa, fica mais difícil suplantar a dupla de buldogues na proteção à zaga. Um completa o outro como azeite e salada.

Embora Bernard tenha sido o melhor da partida, sou obrigado a dar destaque especial  à hombridade de Giovanni. Entrou em campo sabendo que no próximo jogo estará na reserva de Victor. No entanto, honrou a camisa e agiu com personalidade ímpar. E, acabou fazendo a sua melhor partida pelo Atlético. Ontem, Giovanni defendeu até pensamento. Será uma peça importante na campanha deste ano, não tenha dúvidas.

Não há destaques negativos. TODOS deixaram no gramado do Olímpico o suor da raça atleticana.

Uma bela vitória que encheu a nação alvinegra de orgulho e de esperança!

SIGA ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER clicando aqui

Assista aos melhores momentos:

Anúncios

21 comentários em “GRÊMIO 0 X 1 ATLÉTICO – NA BOLA E NA RAÇA!

  1. Resumiu bem todo o jogo e a postura do Galo. Esse time nos projeta além de confiança, esperança aquela de dias melhores viram, uma esperança verdadeira de um bom trabalho que está sendo feito e trará lucros. Espero que o time se mantenha nesse nivel e que possamos queimar a língua e ferir o orgulho dessa imprensa ridicula e cartolas da cbf sem escrupulos trazendo o caneco pra MG.

  2. Pelos melhores momentos parece que jogamos muito bem. Era pra ser goleada no olímpico. Mais do que goleiraço, precisamos treinar muuuita finalização. Não dá pra ficar perdendo esses gols aí.

  3. E você foi cirúrgico no texto, Roberto. Ontem o Galo mostrou que podemos sonhar com dias melhores. Ainda temos Guilherme, André e Neto Berola, que, quando estiverem prontos serão ótimas opções.

    Cuca está queimando minha língua. Queria a sua saída após o brasileiro e também após o mineiro, quando surgiu aquele boato do Levir. Nesse ponto, méritos do Kalil. Se fosse eu o presidente, após a final do brasileiro teria mandado todo mundo embora.
    Ainda bem o presidente não agiu como torcedor.

    A torcida precisa parar de pegar no pé do Danilinho. Todos os comentaristas citam a importância tática dele e do Bernard.

    E prá finalizar, Deus seja louvado! Temos goleiro. Há muito tempo partilho e sofro com você a angústia de ver pontos preciosos sendo desperdiçados. Boa sorte ao Victor.

  4. Na primeira vez em que vi o GALO jogar,não fiquei ‘abobado’ admirando a Massa Alvinegra nas arquibancadas,e sim , a entrega do time em campo .Foi isto que deixou – me ‘boquiaberto’ ontem, vendo o time se entregar dentro de campo.Lembrei-me do meu primeiro encontro -misturado ao encanto – com o time do GALO . Lembro tbm ,que ainda anestesiado com aquilo tudo,dependurado nos ombros do meu velho,que ele me disse : _ ‘ Filho !a primeira vez a gente nunca esquece ! ‘ .Vejo hj ,que é a mais pura verdade,e ontem este sentimento voltou ,RAÇA ,SUOR e LÁGRIMAS .Estes três itens, fizeram o CAM ter esta que é hj sem dúvidas,a torcida mais apaixonada do mundo . Feliz prá burro,em ver que as cobranças – as quais não podem se perder,teem de continuar – feitas ao início da temporada,surtem efeito.Podemos não ganhar nada – o campeonato é muito longo – mas uma coisa é certa , o GALO FORTE E VINGADOR está ressurgindo das cinzas, com é bom perceber isto. Jogaço ontem Roberto , jogaço meu irmão …!!!

    1. Kriko,
      Você já me conhece, sou critico demais ao time, mas estou assistindo uma subida neste time, faltando pouco para chegar em um time completo, hoje estamos assistindo jogadores com vontade ganhar, participando, claro ainda perdendo muita bola boba, errando muito passes, ainda está com a merda da ligação direta, ou seja chutões da defesa ou meio para o ataque, alguns bumbas meu boi, mas também estou sentindo algumas jogadas em velocidade em contra ataques, com passes no bom UM DOIS com troca de passes e tabelas.
      E o R49 tá ali no meio pensando o jogo, lançando e instruindo na marcação e nas jogadas, além do aproveitamento da bola para, mas ainda não está ótimo.
      Mas acho que vamos chegar lá, eu acredito. abçs amigo.

      1. Fala mestre ,andavas sumido hein ?! Temos tudo para alçarmos vôos maiores,mestre ! Há muito não via um time do GALO operário como o de agora. Todos se ajudando,todos participando e todos ralando a bunda no chão.Em cada partida,um esquema diferente e com as mesmas peças,coisa que nos era muito peculiar.O entrosamento começa a aparecer,as jogadas ainda não estão saindo,como deveriam sair,mas iremos chegar lá irmão,e na hora certa,escreve aí .Queres um exemplo; o estreante do grêêmio,zé roberto ,deve de estar sonhando com o Pierre e o L.Donizete até hj.Saía de um, dava de frente com o outro ,pegada pesada mestre,muito pesada mesmo. Vamos que vamos ,algo especial estará reservado para nós,lá no final do ano,creio eu. Raça e Espora Afiada #GaloSempre .Abs amigo ,prazer em teclar com você,Fica na paz.

  5. Enfim…o elenco esta fechado, de contrataçoes e com banco de reservas de titulares a altura. e mais o que vier do dep.medico para ajudar em campo sera ainda melhor.

    Bom vejo um Galo como na decada de 80, colocando medo na tabela, na visao do adversario. logico que se os maus arbitros e corruptos apitos nao apitarem para dentro, deste brasileirao rIO sP;.o GALO PODE SIM CANECAR DE CABO A RABO.

  6. Bom,foi um jogo dificil pacas e o Grêmio valorizou e muito os nossos 3 pontos la em POA. Não sei se vamos ser campeões mas esse time está honrando o nosso manto como a muito tempo não fazia.
    E outra coisa importante é que mesmo com a pressão do adversário paramos de tomar gol no começo do jogo e isso é a coisa mais importante nesse campeonato.
    Mas esse espirito tem que continuar até dezembro de todo jogo ser uma final de campeonato e nada de entrar sonolento em campo.

  7. Que boa esta análise, apesar de com o toque de paixão, mais realista e com lucidez. O Galo como vem fazendo desde o ano passado, com exceção do 04/12/2012, vinha honrando a camisa e se salvou do rebaixamento. Mesmo assim, ficou claro nestes jogos do Campeonato Brasileiro, principalmente em jogos fora, como a arbitragem influencia, ou tenta manipular, o resultado dos jogos, inventando faltas, deixando cobrar faltas com bola rolando e fazendo outras lambanças, como no jogo do Palmeiras. Então, não adianta nos empolgarmos com o time, porque com 3 derrotas, qualquer time baixa o astral e no Galo a panela de pressão chega a estourar. Eu acho que o Maluf, Kalil e Cuca acertaram no trabalho e na manutenção dos melhores e contratou com consciência reforços pontuais, o Galo formou um time, como não vemos desde 2001, quando tinha Valdo, Djair, Ramon, Gilberto Silva, Felipe, Lincoln, Veloso, Guilherme e Marques, se não fosse o estilo de arbitragem do Brasil, eu cravaria que o Galo ficaria entre os 8 até o final do Campeonato, se virar com esse aproveitamento o segundo turno eu cravaria que ele ficaria entre os 5, mas como a única garantia de boa campanha são os pontos conquistados, não adianta ter um bom time. Então nós sabemos que para chegar na Libertadores é 64 pontos, e para o título são 72 pontos, nós caminharemos jogo a jogo, e o principal jogo do Galo nesse ano é esse contra a Portuguesa, adversário duríssimo, que bateu o São Paulo e por pouco não bateu o Santos. E são 3 pontos importantíssimos esses do próximo Domingo, pois o único jeito de se manter em cima na tabela é abrindo pontos sobre o 5º e se quiser brigar pelo título, abrir no mínimo 7 pontos do 2º colocado, pois dificulta a manipulação de resultados. Como você destacou, já passou da hora de nós caminharmos juntos como sempre venho suplicando e repito aqui no seu espaço:

    “UNIÃO DA NAÇÃO ATLETICANA JÁ”

  8. Grande Roberto,

    Também acho que chega de protestos, faixa viradas, etc … É hora de apoiar esse time, que tem mostrado ser competitivo. Ontem não passamos aperto hora nenhuma, o Grêmio não teve nenhuma chance real de gol. Temos uma defesa (zagueiros, volantes e até laterais), muito bons.

    Acredito que esse time fará um ótimo campeonato, no mínimo libertadores.

  9. Mais um inicio de campeonato q o galo começa a dispontar na tabela, e ja começa os comentarios das outras torcidas, e na imprensa, q o galo eh cavalo paraguaio q nao chega e bla bla bla, como eu quero q o galo ao final desse campeonato termine campeao pra calar a boca de muita gente, tomare q cheguemos la. Sobre o jogo em si, foi uma otima partida, mais valhe dizer q o galo nao pode perder a chances de matar o jogo, principalmente o jo q finaliza as vezes em cima do goleiro, pq vai q o gremio empata o jogo, e numa bola boba ate vire a partida, ai serei obrigado a ouvir q perder no olimpico contra o gremio eh normal, mas felizmente pra nos o q importata eh q o galo saiu vencedor e vamu faturar a lusa na GALORENA.

  10. Não ganhamos nada ainda, mas ontem, após a década de 80 (quando parece que a história parou para o atlético), senti um orgulho enorme de ser atleticano.

    E disse para mim mesmo: Hoje temos um TIMAÇO

    Tomara que ganhe esse ano. O KALIL merece, por tudo o que já tentou fazer (eu o apoio por isso). A torcida merece, por tudo.

    Mas falta MUITO chão.

  11. Puts !!! Que jogo meu irmão ! A muito tempo eu não vibrava tanto assim !!! A patroa me excomungou umas 3 vezes, só porque eu gritei GOLAÇOOOOOOOOOOO e GALOOOOOOOO umas 50 !!!! 😦
    Não sei se notaram, mas o juizão depois do intervalo era outro. Tava a fim de sacanear o Galo, quem viu aqueles dois laterais que o Grêmio bateu foi bizarro, um com o jogador do Atlético caido no chão, e o outro o cara tava uns 10 metros de onde teria de ser batido. Fora as inúmeras faltas marcadas na entrada da área contra a nação !!!! E o luxemburro ainda veio reclamar do juiz !!! VPQP !!!!

  12. Amigos ganhamos, foi vitoria suada e na raça, não podemos esquecer>>>>>>>>
    #DeOlhoNoApito em todos os jogos
    Contra o Grêmio o Juiz Paulo Cesar Oliveira foi ruim e prejudicou demais o GALO
    Para quem já jogou futebol, sabe muito bem, o PC Oliveira foi minando devagarinho o Galo, invertendo faltas, marcando as do Galo no meio campo e as do Grêmio na cabeceira da área.
    Os cartões amarelo do Galo foram em jogadas normais, duras mas leais, e os jogadores do Grêmio fizeram faltas desleais e o PC Oliveira não deu o cartão amarelo inclusive em 2 faltas ele deu contra o GALO.
    O lateral Anderson Pico, deveria ter sido expulso na primeira falta, por traz e maldosa, mas foi aliviado, recebeu o cartão amarelo e continuou a fazer faltas e só foi expulso por que os jogadores do Galo reclamaram demais um tapa que ele deu no rosto do Donizete.
    Juiz marcou falta do JÔ dentro da área no Gilberto Silva, mas quem tava segurando o JÔ era o Gilberto, em todos os jornais deu para ver a mão do Gilberto segurando o JÔ , deveria ser penalty
    O coitado do Bernard foi caçado o jogo todo pelo lateral Edilson, com faltas por traz puchado e chutado PC Oliveira não fez nada.
    Marcou várias faltas do JÔ mas quem fazia as faltas era os zagueiros que entravam por traz, mas pelas reclamações do Luxemburgo ele marcou contra o Galo.
    Kleber toda hora caindo enfeitando faltas e ele marcava
    Zé Roberto tentando cavar faltas toda hora no maior cai cai e PC nada fez e marcava as faltas ajudando o Grêmio para tentar empatar a partida.
    O André Lima fez várias faltas, e na expulsão do Anderson ele deu um EMPURRÃO NO PC e o juiz afinou e não expulsou, afinal aquilo foi agressão ao JUIZ , isto tudo que estou dizendo eu tuitei na hora mandando para a CBF mostrando que nos estávamos de olho no apito.

    Se nós não procurarmos ajudar o GALO informando para imprensa nos blogs tuiter e Faceboock rádio sites e TVs poderão nos prejudicar muito mais

    Então amigos não custa, vamos denunciar as trapalhadas e as roubadeiras NA HORA mandem mensagens para onde quiserem, mas mandem, vamos sempre denunciar.

    Afinal agora o time tá produzindo em CAMPO mostrando vontade de ganhar com atitude todos participando e jogando coletivamente, ainda não é o que queremos , mas está caminhando, vamos ajudar, tá na hora de unirmos em prol do time e do Clube.

  13. Não sei se voces lembram>>>>>>

    Mas já falei aquí sobre o Bernard, e a covardia que estavam fazendo com ele, o proprio Mario Caixa, ao qual discutí por estar pegando no pé dele.
    Afinal, é muito difícil o que o CUCA tá fazendo com ele, ou seja atacar e defender e armar, nunca gostei do Zagallo mas o Bernard tá muito mais que ele, cobre o lateral, várias vezes se vê ele na defesa, e vai pro meio armar o jogo e atacar com velocidade ir nas pontas para cruzar.
    Mas é a ordem do CUCA, e o cara tem que ter um preparo fisico do Carvalho para aguentar e não é para qualquer um, além de ser caçado pelos laterais e volantes que sempre lhe dão porradas para parar sua velocidade.
    Ahí vários torcedores achando ruim dele errar chutes a gol, ou até mesmo alguns cruzamentos, ou errar em não conseguir finalizar bem ao gol.

    Danilinho cansei de falar que ele era o secretário do Marcos Rocha, inclusive no TT o M Rocha acabou discutindo comigo, por este motivo, mas eu estava vendo a posição do Danilinho, e sempre falando que era o CUCA o culpado, difícil demais ter uma condição fisica, para aguentar , Subir para cruzar, dar cobertura e ajudar o lateral, ajudar no meio campo, armar as jogadas, cercar os meias e volantes e tirar bola dentro da nossa área, é só ver os VTs e o Danilinho é tudo isto, e muitos criticam por ele errar gols ou cruzamentos ou passes.

    Eu gosto do que eles estão fazendo, só critico o erro de passes deles, mas são os que menos erram, podem verificar.

    Cuca fez o planejamento com os dois, vai ser difícil sair um dos dois ou os dois, são muito necessários ao time e deve-se a eles o bom momento.

  14. Realmente o Giovanni fechou o gol, mas foi a primeira vez que isso aconteceu, e ainda me passou um susto naquela bola que pegou pelo rabo… Será um grande reserva, mantendo essa pegada. O Galo está de volta às cabeças do campeonato e já é reconhecido pelos caras da espn como candidato forte. A jogada do Bernard foi muito parecida com a do Ronaldinho quando estreou na seleção. A complementação do Jô foi perfeita. Golaço. O time todo está jogando muito, uma equipe mesmo. Apoio a campanha que se acabe de vez com as vaias, está na hora da Massa voltar a ser o terror dos adversários, como o Danrley reconheceu quando ainda jogava no Gremio. Pé no chão e olho no juiz; agora vái!

    1. Você tava acompanhando outro time então ou não quer ver, contra o Palmeiras o Giovanni fechou o gol, se não fosse ele o Palmeiras teria não só empatado mas virado o jogo, o Juiz marcava faltas na grande área para o Marcos Assunção empatar o jogo de qualquer maneira, lembro de no mínimo uns 3 milagres que ele operou naquele jogo, principalmente na segunda etapa!

  15. Você disse tudo e mais um pouco, compadre! Tá gostoso demais fazer as crônicas este ano né? Hahahaha… nós Atleticanos merecemos essa alegria!

    Impossível criticar qualquer jogador nessa partida. Até Richarlyson entrou bem, que coisa! E gostei até dos segundos em que o Marcos Rocha esteve em campo. Vocês viram aquele passe de calcanhar dele pro R49? Hahaha.

    Donizete, Pierre, Bernard, Danilinho… coméque saem do time?

    Soutto, Serginho… dão sangue pelo GALO seja como titulares ou opções de banco.

    Réver, Leonardo Silva, Rafael Marques… qual será a melhor dupla?

    Júnior César… simples e objetivo. Perfeito.

    Juninho, Berola… jogo está truncado? Manda os dois pro jogo para infernizar a defesa adversária.

    Jô e André… se um não vai muito bem, o outro entra e corre o risco “do um” ficar no banco.

    Victor e o Giovanni de ontem… problema “quase” eterno resolvido!

    Ronaldinho Gaúcho… está jogando demais e tenho certeza que ainda vai melhorar muito!

    Cuca… desculpa qualquer coisa aí, companheiro. O burro sou eu!

    O Cuca está “ferrado”, terá uma dor de cabeça danada a partir desta semana. Por quê? Porque o ganhador de vários prêmios individuais do Brasileirão 2012 saiu do DM e estará à sua disposição para o jogo contra a Lusa: Guilherme. Se vira, Cuca!

    GAAAALOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

    Abração!

  16. Caro Roberto, e irmãos!!!

    Oque posso dizer após a exibição de gala e os coments feitos pelos amigo é……. cada vez mais apaixonado… Mesmo minha mulher saindo de ksa e levando meu maior tesouro nesta terra, digo que ainda estarei de pé para ver meu galo lindo sendo campeão contra tudo e contra todos… Grande abraço á todos… Rumo ao topo meu galo lindo!!! Minha cachaça…

  17. Não posso deixar de contar um fato lamentável que vi hoje assistindo o Alterosa no Ataque, inconformado com a contratação do Victor pelo Atlético, Jaeci Carvalho disse que Victor é um goleiro normal, e não vê nada de mais nele. Desisti de assistir este programa depois desta, o Victor pode não ser nenhum Taffarel, mas falar que ele é um goleiro comum ? Caracas, o Jaeci Carvalho não é burro, é muito inteligente, isto é incontestável, já cobriu várias copas, e olimpíadas, esta declaração não é que ele é burro, é que ele é pau mandado dos perrelas mesmo,ele não reconheceu que o Victor é bom, é porque ele não quis mesmo, ele sabe que ele é bom, mas como ele está puto com a contratação, e está tentando destabilizar o elenco, com estas alfinetadas , o Marques vai me desculpar,e a alterosa também , que é sem dúvida a melhor emissora de Minas, e líder de audiência, mas alterosa merece profissionais competentes mas imparciais, jornalista não tem de opinar, jornalista tem de informar, e deixar a opinião para o Marques, a Ana, que são comentaristas, formadores de opinião. Este Jaeci Carvalho, um carioca da gema, flamenguista, clubista, devia trabalhar na Globo, pois ele faz o tipo da globo.

  18. Mesmo com a boa atuação, o meia-atacante, de apenas 18 anos, admitiu certo nervosismo no dia de sua primeira partida como profissional. Entretanto, para a revelação das divisões de base atleticana, foi fundamental que a comissão técnica e os companheiros de equipe o passassem tranquilidade e confiança.

Os comentários estão desativados.