ATLÉTICO 1 X 0 VASCO. MAIS UMA GOLEADA!

Antigamente, quando íamos ao Mineirão ver o Galo jogar, a pergunta que nos fazíamos era: de quanto vamos ganhar? Não havia em nossas mentes nenhuma dúvida sobre a vitória líquida e certa.

Grandes esquadrões que nos orgulharam no campo de jogo. Grandes jogadores que defenderam esta camisa como se defende uma mãe ou um pai.

Pois a mística desse manto tantas vezes reverenciada por aqueles antigos atletas ressurgiu, incólume, entranhada no coração de Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver, Rafael Marques, Júnior César, Pierre, Leandro Donizeti, Guilherme, Danilinho, Ronaldinho Gaucho, Jô, Bernard, Escudero, Giovani, Serginho e todo o elenco. Um time aguerrido, um time de luta, que parte para cima do adversário com bravura, com a mesma alma alvinegra presente nas arquibancadas.

O furor alucinante da equipe, ao enfrentar mais uma rodada, é como bradar ao mundo esportivo do país, ainda assustado com o que vê: AQUI É GALO, PÔ!

E a certeza da vitória é, novamente, parte de nosso cotidiano. Não sabemos qual será o placar, mas que vamos vencer… ah, isso é líquido e certo. Como disse Ronaldinho Gaucho, semanas atrás: não vai ser fácil derrotar o Atlético!

E não vai ser mesmo. Ontem o Vasco conseguiu, por méritos, dar um chute a gol. Repito: o vice-líder do campeonato brasileiro logrou dar UM chute a gol durante 90 minutos de partida!

Pela primeira vez, Ronaldinho Gaucho fez uma partida fantástica. Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Leandro Donizeti se destacaram, mas em todas as linhas o Galo se impôs com qualidade e força. O jogo foi 1 a 0 como poderia ser de 3 ou 4. O Atlético atropelou o Vasco, essa que é a verdade. Foi uma goleada em termos de volume de jogo.

A não ser por aquele chute do Carlos Alberto (na única finalização do Vasco), quase não fomos incomodados. O sistema defensivo do Galo, protegido por Pierre (um monstro) e Leandro Donizeti, se torna cada vez mais inexpugnável. Isso porque, além dos volantes, os ponteiros também recompõem. E os atacantes combatem os volantes.

Esse time do Galo é uma MÁQUINA DE GUERRA! Defensiva e ofensivamente falando. Não negocia rendições, nem tampouco reconhece bandeira branca!

Joga feio quando precisa, articula seus setores de forma inteligente e não perde, em nenhum momento, a velocidade. Velocidade esta que só é possível com muito treino, com muito conjunto.

Times lentos são aqueles que não possuem suas peças azeitadas para trabalharem sincronizadas, uma vez que os atletas precisam de um segundo a mais para localizar o companheiro. Ao contrário do grupo atleticano, que quando um jogador recebe a bola, já antevê a movimentação do outro. Ele sabe, ele sente. Daí vem a rapidez que a equipe apresenta.

Que nossos jogadores não sofram influências externas, capitaneadas por clubes, CBF e imprensa do eixo RJ/SP. E pior, abonadas pela mídia mineira que não quer ser campeã, sabe-se lá porque!

Os acontecimentos banais de um CT são potencializados e elevados à categoria de escândalos. Neste momento, todo cuidado é pouco no sentido de blindar uma equipe guerreira, que não deixa pedra sobre pedra por onde passa.

NADA VAI ALTERAR O RITMO DESSA JORNADA! Absolutamente nada! Estamos atentos e fechados com o time até na tampa!

SIGA ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER clicando aqui

Assistam a seguir o vídeo de Eduardo Rodrigues, colunista do L&N. É um desabafo de um atleticano revoltado com as seguidas tentativas de desestabilização do ambiente da equipe, através de fofocas e invenções da mídia. NÃO PERCA!

PARA SEGUIR O COLUNISTA NO TWITTER, clique aqui

Anúncios

15 comentários sobre “ATLÉTICO 1 X 0 VASCO. MAIS UMA GOLEADA!

  1. é isso aí Robertão!!! Tô ficando alucinado vendo esse time do Galo jogar! São impressionantes a entrega e raça desse grupo, além da técnica! Dá orgulho de ver! Não podemos deixar essa peteca cair!!! Se o time perder um jogo, é gritar dobrado no jogo seguinte pros caras sentirem que estamos fechados com eles! 100% de apoio incondicional! E quarta contra o dragão vai ser quase um jogo em casa! Vai ter mais galista do que goianiense no Serra Dourada! Saudações!

  2. Boa, Grande Roberto! Estamos no caminho e ninguém vai nos segurar! Gostei muito do desabafo do Eduardo no vídeo também, mas podia ter sido só um áudio, né? rsrsrs Grande abraço pra vocês!!!

  3. Meus caros amigos líderes,

    Gostei demais do jogo de ontem. R49 jogu demais, Leandro Donizete tá crescendo muito, o Goleiro Vitor tá pegando até bola irregular, mas uma ciosa me preocupa. O Jô tá perdendo gol demais, chegando atrasado nas bolas e o André foi embora. Eu tenho que confessar que isso me preocupa, a falta no finalizador, não podemos fechar os olhos porque a fase é boa. O Jõ não vem vindo bem e não tem substituto. E se ele machucar ou ficar suspenso?

    E isso aí, no mais o time está muito consistente e nos dando muitas alegrias. Sou de Brasília e vou para Goiânia e para o jogo do Botafogo. Vai ser minha primeira vez no novo Independência, que eu não seja um pé frio. Estão me dizendo que está bonito demais.

    abraço e é Galo líder!!!!!!!

  4. O volume de jogo do galo foi realmente impressionante! 20 x maior do que o do Vasco. Foi um rolo compressor.

    Só o Dinamite (e algumas marias) para enxergarem que o juiz inverteu alguns lances a favor do Vasco. Mas o referencial de gerenciamento de futebol e de seres humanos deles são o Zeze Perrella e o Eurico Miranda, então tem que dar um desconto.

  5. ► Atleticanos ! o sistema é bruto , porém se o GALO Destroyer continuar focado em apenas jogar bola, deixando de lado este diz-que-me-disse sem embasamento algum ,que tem rolado nestes últimos dias, ao final do campeonato vamos dar um ‘chora nenem’ nessa cambada de fofoqueiros e, veremos muitos ‘profetas do acontecido’quebrando suas ‘bolinhas de cristal’ por acharem que elas estão com defeito.Com a campanha belísssima que o GALO tem feito até o momento,nego ainda fala que retomamos liderança .Ora pipocas ! desde que assumimos a ponta do campeonato ,nunca deixamos de ser líderes e isso tem incomodado muito otário por aí. Texto pontual ein Roberto ?! nosso time é consistente ,pegador e operário – qdo se viu o Ronaldinho dando carrinho,marcando e dando bico na bola ? pois é …! – e ainda tem dois cães de guarda feroses,mantendo a ordem ali na retarguarda.E outra ,quem entra e quem sai, se doa o máximo pela equipe – hoje temos uma – em busca do mesmo objetivo . Alegre demaispor perceber que o GALO VINGADOR ,aquele que não desistia nunca e para ser batido,neguim tinha de suar rios de sangue – qdo conseguia ,qdo conseguia …! – está de volta .
    ► Eduardo vossa indignação é a mesma de todos nós , o GALO voltou a incomodar e neguim não aceita isso,então estão propensos a inverter os fatos ,o poste passa a mijar no cachorro . Abc e #GaloSempre

  6. Este negócio de imprensa no Brasil é um câncer, quem tem consciência sabe. Vendo o “Meio de Campo”, da TV Minas, ficou bem claro que ali não tem atleticano, não. O Galo tem de abrir o olho, como disse o malungo aí do vídeo, não é só com o eixo, que tem muito inimigo aqui mesmo.

  7. O Galo tá impossível!! Mas uma coisa que não vejo ninguém falar é que esse time ainda tem muito p/ crescer! Estamos perdendo muitos gols…

    A hora que Ronaldinho e Jô se entrosarem como o Marques e o Guilherme esse time vai ficar realmente imbatível, será considerado o melhor time dos últimos tempos no brasileirão.

    O segundo turno vai ser bem mais difícil do que o primeiro e vamos precisar espaço p/ crescer.

  8. Eh isso ae! raça acima de tudo, e a dignidade do grupo se torna um alicerce milenar petreficante, intocavel e inabalavel. A midia alheia do Exu dentro e fora dos dominios das federaçoes rjsp tambem estao infiltradas em Minas como cupins em madeira velha e umedecida.

    Um salve ao CAM, a maior instituição e marco Historico pós Inconfidencia.

  9. O Galo jogou muito e mostrou a união do elenco e a reunião com o Kalil é normal os jogadores podem curtir a noite pq é muito bom só não pode ficar dando mole para neguim que quer aparecer as custas do LIDER DO BR.
    E tb para os jogadores se cuidarem tb fora de campo e as 5 da matina na rua ? E as esposas desses caras vendo eles na balada ? As vezes os problemas em casa afeta bem mais do que os adversários em campo.
    E todo cuidado é pouco.
    A torcida mais uma vez fez o seu papel e o Ronaldinho era a peça que faltava na nossa engranagem e a oposição ta doidinha.
    Esse time ta dando gosto de ver jogar, Galoooooooooooooooooooooooooo !!!!!!!!!!

  10. Roberto, acabo de ler o pós-jogo. No jogo contra o Coritiba você não escreveu e fez muita falta!
    O seu texto, juntamente com o do Marcelo Bechler ( http://colunas.radioglobo.globoradio.globo.com/platb/marcelobechler/2012/08/12/o-atletico-e-um-atropelamento-em-forma-de-time/ ), foram meus preferidos entre tudo o que li sobre o jogo Galo x Vasco.
    Eu ia postá-lo no meu twitter agora, mas está tarde e preferi deixar pra amanhã, quando tem mais gente online. 🙂
    Gostei demais da conta! Eu sempre me lembro do dia em que você me disse, na festa de fim de ano em 2009: “Antes a gente ia aos jogos do Galo e só faltava saber de quanto iríamos ganhar, porque sabíamos que a vitória era certa.”
    Guardei esta frase e por muitas vezes pensei, que inveja de quem viu o Galo assim!
    Mas agora eu estou vendo, e está sendo maravilhoso, indescritível!
    Vamu, Galo!!!

    Abraços,

    AnaCris.

    1. Ando tão feliz com o Atlético q me emocionei com suas palavras. Eu pensava q nunca mais eu iria ver o Galo jogar verdadeiramente da forma como o Galo joga. E estamos todos vendo de novo. Deus é grande. 🙂 🙂

  11. Galo…. parabéns pelo site… Vamos Galo… amanhã juntos no Serra Dourada…

  12. Gostaria que vocês falassem sobre o último impedimento do Galo com o Escudero, pois eu acho que não estava e nenhuma emissora de TV mostrou com tira teima.

  13. Massa

    um ponto levantado aí em comentários anteriores é sobre a venda do André.
    Se o Jô passar por um momento ruim no campeonato (e tem perdido alguns gols fáceis) , o que faremos???

    Ontem na itatiaia disseram que o galo vai atrás de outro atacante, mas nessa altura do campeonato só pega meia boca, não adianta se iludir.

    Eu entendo o lado do Kalil em emprestar para Santos, afinal o galo ainda não está queimando dinheiro e ter um jogador super caro no banco é complicado (além do que o galo quer de volta o investimento (forçado) feito), mas que tende a fazer falta isso tende.

Os comentários estão desativados.