ATLÉTICO 2 X 2 PONTE PRETA – FRUSTRA, MAS NÃO DESMERECE.

Não quero criticar um técnico que é o maior responsável pela montagem e acerto desse timaço que o Atlético é hoje.

Cuca pinçou contratações acertadíssímas, analisou as características de cada jogador e o lançou exatamente onde produz bem na engrenagem. É o responsável direto pela liderança e pela fluidez com que a equipe joga.

Por isso é que me espantei com a forma como Cuca abriu o time ontem. A entrada de Guilherme no lugar de Serginho foi uma grande sacada, pois a equipe empatava a partida. Ok. Naquele momento, tudo o que se pedia era ousadia e ele ousou no instante certo.

Entretanto, após o segundo gol, era premente uma substituição mais conservadora, que retomasse o poder de combate no meio de campo. Uma boa pedida seria Soutto no lugar de um atacante. Mas não, Cuca seguiu abrindo ainda mais e lançou Berola e Leonardo.

E aí toda a responsabilidade pela proteção à defesa ficou à cargo de um só volante, Leandro Donizeti. Foi quando a Ponte Preta, contando com espaços em profusão e uma sorte rara, empatou o jogo.

Eu não entendi a intenção. Um 2 a 1 contra Ponte Preta ou contra o Fluminense é a mesma coisa neste campeonato tão difícil. Golear a Ponte não traria resultados práticos. Afinal, guardar 3 pontos na sacolinha é o que importa, seja vencendo o Íbis ou ganhando do Barcelona. E se for de meio a zero… vale também.

Enfim, foi um deslize que, à luz da razão, serve como lição e pode até revigorar a concentração do time, se estiverem com a cabeça forte para não se abaterem. E não empana, de modo algum, o excepcional trabalho que Cuca faz. Frustra, mas não desmerece.

O Fluminense também empatou e o Grêmio encostou. Embora tenhamos ganhado apenas 2 pontos dos últimos 6 disputados, ainda somos líderes. E agora temos pela frente uma pedreira chamada Corinthians que, além de poderoso elenco, conta com a subserviência da Comissão de Arbitragem da CBF.

Bem que podíamos estar viajando para São Paulo com uma gordura de 4 pontos para o segundo colocado, mas, se não foi possível, paciência. É seguir em frente com toda garra e com todo apoio do mundo.

Espero que o Galo esteja disposto a afiar as esporas novamente e voltar a vencer. Se isso ocorrer em território paulista, será uma vitória épica!

Eu creio nisso! E você, amigo, acredita? Sua opinião é importante.

SIGA ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER clicando aqui

Assistam aos melhores momentos:

Anúncios

19 comentários sobre “ATLÉTICO 2 X 2 PONTE PRETA – FRUSTRA, MAS NÃO DESMERECE.

  1. A vitória em SP é bem possível sim! Muitos outros times, consideravelmente piores que o Galo doido já ganharam do Corinthians nesse campeonato. Temos que acreditar e furar a retranca deles. Mas tomando cuidado na defesa, que de uma hora pra outra criou buracos… Abraço, Roberto!

    1. Se jogar os 90 minutos com vontade e determinação, o Galo ganha de qualquer time do Brasil.

  2. Por causa das ultimas frustrações que eu tive com o “Galão da Massa” que venho com “um pe atras” com esta campanha magnifica. Mas por causa de rodadas como a de ontem, cada dia que passa cresce um pouco a certeza que desta vez vai dá! Quando nao da certo pro Galo no nosso jogo, os nossos concorrentes nos ajudam tambem. Desde as primeiras rodadas todo o mundo vem avizando que vai ter uma hora que os lideres vão ter uma baixa. A nossa hora esta cendo agora e espero que seja rapida a nossa recuperação. A sequencia vai ser muito complicada, mas foi esta sequencia que credenciou o Galo como concorrente para o titulo. Vamos ter calma que isto é o campeonato brasileiro e nehum time que vem desde a primeira rodada jogando bem desaprende de jogar…

  3. Temo pelo lado emocional. Eu, enquanto torcedor, já me abati e comecei a colocar em dúvida a capacidade de sermos campeões (sei q é muiiiito cedo para tanto, mas aconteceu comigo). Espero que os jogadores e, principalmente, o técnico não percam a confiança, vez que se por acaso entrarmos em uma sequencia de jogos sem vitória, acho difícil nos recuperarmos. Cuca, apesar dos méritos pela campanha, foi sim o grande responsável pelo empate de ontem. Aliás, o grande IRRESPONSÁVEL! Não havia a menor necessidade de manter aquele amontoado de atacantes depois dos 20 min do 2º tempo.
    Tropeços certamente iriam e irão acontecer, mas pelo menos que sejam em jogos realmente difíceis e contra equipes qualificadas. Espero que domingo a equipe se mostre firme mais uma vez e que, mesmo em caso de derrota (resultado absolutamente normal em se tratando de Corinthias no Pacaembu), não perca a cabeça no decorrer do campeonato. Sobretudo o Cuca (reconhecidamente um bom técnico, mas que invariavelmente se perde ao longo dos seus bons trabalhos).
    Alguns pitacos: não tenho paciência com o Serginho e não gostei da opção pelo Escudero.

  4. Lamentar sim, mas apavorar não.
    Temos que ter a mente clara e saber que perderemos pontos daquí pra frente, seria até impossível ganharmos todos os jogos.
    Acho que teremos tropeços pelo meio do caminho, e porco magro é que suja a agua, além da Ponte ser e sempre foi um time encardido pra nós, como é a Portuguesa.
    Só me preocupo se termos derrotas para o Fluminense, Gremio, Vasco e Inter os times mais próximos do GALO.

    Mas estou contando com as reações do Santos Palmeiras São Paulo Botafogo Coritiba para tirar pontos destes rivais do GALO e não nos tirar pontos, por que estes clubes vão começar a reagir no campeonato.

    Eu, como sabem não gosto do CUCA há muito tempo, mas está fazendo um bom trabalho e não será EU que vou começar ou ajudar a criticá-lo, por que ninguem é infalível mas acho que ele tem o elenco na mão e sabe bem do seu potencial.

    Errar em um ou outro jogo não afetará o seu trabalho, desde que não persista demais no erros e que prende o time todo como tem feito com o JÔ.

    Se deixasse o Jô jogar o normal, sem este negocio de PIVÔ acho que ele poderia produzir mais, mas ele também tem perdido uns gols que um centro avante não pode perder.

    Quanto a colocar o Soutto, acho sim que poderia, mas tem muito da torcida que deveria era colocar o Berola, mas eu teria é colocado o Rafael Marques, por isto cada opinião é de um jeito então temos que respeitar a do Cuca.

    Eu não gosto do Guilherme, e muitos amigos já sabem, dizem que o cara é craque, mas no Atletico ele nunca foi nada, até agora não resolveu partida nenhuma.
    Ontem ele entrou e marcou o gol, mas perdeu uma bola no meio que deu o contra ataque do gol de empate da Ponte, então seu gol foi anulado, meu pensamento.

    E no Clássico ele perdeu a bola ( claro que foi falta) os dois cairam, ele ficou estatelado no chão enquanto Montillo levantou e fez a jogada do empate.
    Será tudo coincidência ou eu estou sendo muito FEROZ nas criticas.

    Comissão tecnica teria sim que chamar atenção dos jogadores para este tipo de lance, já foram vários que nos prejudicaram, nosso atleta fica esperando juiz dar a falta e gera o contra ataque e levamos gols.

    Outro lance que está preocupante, antes nós tínhamos o problema de levar gols pelo alto, acabaram os martirios, mas agora é bola cruzada rasteiro na nossa área, no clássico foram dois gols um parecido com o outro.

    Contra a Ponte os gols foram idênticos e marcados pelo mesmo jogador Cicinho (lateral Ala meio Campo muito bom) todos estes gols sem marcação dos laterais e do meio campo, mas sempre com um erro de bola roubada de nossos atacantes, que não conseguem depois dar o combate.

    Outro problema, nossos jogadores estão usando por demais as mãos na marcação, e neste caso o juiz marca falta e costuma dar cartão, mas o atleta que está com a bola pode e faz demais pegar e empurrar o marcador, mas o juiz não liga nesta jogada.

    Mas vamos pra frente #FechadosComOGalo temos que ter confiança acima de tudo.

  5. Perfeito Roberto ! Comungo do vosso pensamento ,não era preciso abrir o time como foi feito na noite de ontem . Em um jogo passado – aí mesmo no antigo campo do Sete rsrs… . Onde o Pierre havia ficado de fora – no primeiro tempo o time tbm não se encontava dentro de campo e como ontem, quem armava o time era o L.Donizete . Na volta do segundo tempo ,a mexida do Cuca foi nas peças que já estavam em campo; deslocou o ‘Sergim’ para a ala direita e trouxe o M.Rocha para ajudar na armação do time com total sucesso .Na partida de ontem nenhuma das três substituições deram resultado ,pelo contrário,dava para ver claramente que caso a ponte encaixasse um contra ataque ‘baubau’ e foi o que aconteceu .O GALO ontem estava nervoso, desequilibrado,irreconhecível … Acho que o time tem de voltar a praticar um pouco de ‘humildade’,característica presente em todo o início do campeonato e que nas últimas partidas, foi deixado um pouco de lado . Espero que voltemos a ter foco em resultado e tão somente neles, ‘salto alto’não condiz com as tradições Alvinegras . Abs e #GaloSempre

  6. O problema de abrir o time foi da TORCIDA que fica enchendo o saco pedindo jogador em campo.
    O Berola nem sempre que entrar vai marcar gol e ele não marca ninguém.
    Sabemos que o Pierre e o Bernad fazem muita falta mas concordo plenamente com o Roberto sobre a possivel entrada do Soutto e não do Berola.
    A torcida tem que parar de ficar querendo o Galo sempre no ataque e sempre que jogar é pra golear,estavamos ganhando por 1 x 0 e todos saiam felizes e ficavam felizes com a atuação do Galo. Agora querem ser soberbos e que nós temos que golear todo jogo ?
    Calma galera

  7. Fala Roberto!!!

    Na minha humilde opinião o resultado aconteceu mais por erros individuais do que esquema ou mexidas equivocadas do Cuca.

    No primeiro gol da Ponte, Júnior César comete um erro de pelada, deixa o atacante livre para dar combate onde já tinha (Rever).

    E no Segundo gol da Ponte, pelo segundo jogo consecutivo o Guilherme para no lance pedindo falta e deu no que deu, como observou também Jones Guerra. Falta ou não, não pare enquanto o juiz não apitar.

    E o Jô não arruma nada no ataque do GALO há pelo menos uns 5 jogos, tá igual o André, a bola bate e volta, e quando tem a chance pra finalizar erra. Parece que desaprendeu a segurar a bola como fazia antes.

    Isso foi só uma cornetadinha de leve, mas o Cuca tem que consertar isso rápido pra sermos campeões!

    Saudações

    @amaralarquiteto

  8. O Cuca errou, mas creio que tem dedo na torcida também. A torcida sempre cobra ousadia de um técnico, mas dessa vez o treinador errou na dose. A única coisa que realmente me preocupa é se ele tem alguma picuinha com o Soutto. Era visível que era um jogo pra ele. Bom, é passado.

    Agora ele terá todos os jogadores à disposição, e certamente irá com o time que mais conhecemos e que mais deu certo. Vencer o Corinthians dentro de SP é sim, possível, e quem conseguiu ver alguns lances de COR x FLU sabe que se apertar a marcação, fica mais possível ainda. O COR tem um bom time, grupo, mas cá entre nós, a dupla de zaga não é segura.

    Nesse time do Galo, com a garra que demonstrou no 1º turno, com a volta de Pierre (meu maior ídolo no time), confio sempre.

    Saudações.

  9. Massa

    Perfeito o texto.

    deslizes vão ocorrer, então é cabeça fria. O Corinthians foi campeão PERDENDO 9 JOGOS NO SEGUNDO TURNO do ano passado.

    Quanto ao jogo em si, o Cuca tem créditos mas bota esse tropeço na conta dele. O negócio estava tão escancarado ontem que só ele não viu: tinha que ter fechado mais o time na hora do 2×1, pois a ponte preta toca rápido e bem e os buracos estavam gigantes!

    E o Jô de novo perdeu alguns gols….Ah se o Tardelli estivesse aqui: já seríamos campeões daqui a umas poucas rodadas!

    Mas enfim, agora é partir para vencer o Corinthians e que os jogadores estejam mais concentrados, pois o Grêmio chegou.

  10. Concordo com meio a zero e que a entrada de um jogador para proteger a zaga seria o mais importante, porém, a escolha de Cuca foi outro esquema. Foi-se. Mas acredito piamente numa boa atuação do Galo diante do Corinthians, raça já mostrada ao longo de 20 rodadas, com o foco voltado para a vitória! O time paulista é grande, vive um momento de certa ascensão e ainda é protegido pela CBF sim, porém, não pode ser considerado intransponível, como de fato não o é. E acredito, como disse,que o Galo trará novos 3 pontos na mala para que a gente possa continuar a depender apenas de nós mesmos e manter esta campanha magnífica! Continuemos focados e concentradíssimos, unidos, Diretoria, Comissão Técnica, Jogadores e Torcida!
    Acreditar é sempre um passo a mais pra realizar…
    Saudações Atleticanas…

  11. A verdade eh soh uma Cuca mexeu mal mto mal, se nao me falha a memoria quando ganhamos do inter, o cuca botou o F. soutto na partida ganhamos o meio de campo, e ainda fizemos o terceiro gol, e o cuca soh poe o menimo pra jogar quando ta com mais de 40 do segunto tempo, eu nao sei o pq q ele faz isso, logo o F. soutto, q ao lado do Pierre ano passado, foram mto importante para nossa fuga contra o rebaixamento. Agora outra coisa, eu sei q tropeços iram acontecer soh q o galo ta marcando mta bobeira, a torcida q falam q eh “bipolar” eu acho q soh estao assim pq talvez seja aquela sindrome de mtos anos sem conquistas, eu mesmo to pensando em procurar outra coisa pra fazer quando tem jogo do galo, pq o coraçao fica mto apertado, ainda mais quando vc soh ta escutando o jogo, e nao ta vendo pela tv ou internet, vou repetir uma coisa q falei a mto tempo, O JO NAO SABE FINALIZAR precisa de 40 oportunidades pra guardar 1, nesse ponto eu acho q florminense ta mto forte, querendo ou nao o fred maria normalmente se tiver 3 oportunidades 2 ele guarda, o Cuca faz as cagadas dele, mas se o Jo aproveitasse as chances de gols q tem, acho q nem as cagadas do tecnico ficariam tao escancaradas. Falando do jogo de domingo se o galo quer continuar lider vai ter q superar o time da cbf domingo, pq o flornimed nao vai vacilar contra o fraquissimo figueirense, virtual rebaixado, nao acho o fim do mundo uma derrota la em SP, mais nada de conformismo, pq o jogo foi la e da nada se perder, isso eh coisa de time pequeno, e os jogadores do galo nao pode dar desculpas, q os times q jogam indepencia jogam retrancados,(ja vi esse filme em 2009) tem se virar pra sair dessa retranca aproveitar as chances de gols q nao sao poucas pq o galo cria mto, é decidir o jogo, pq se nao vai ter mta gente estragando nossa caminhada ao TITULO.

  12. Cuca não acreditou que o Galo não fosse fazer o terceiro gol com as mexidas e se precipitou ao sacar o Jô, pois era a substituição de fechar novamente o meio campo. Mas tudo bem, revi todo o jogo a pouco e não acho que o time caiu, foram as mexidas que deixaram o time um pouco vulnerável além da falta de um chutão do Guilherme no lance e da retirada do espaço do Leandro donizete em vez de pular de costas para a bola, paciência, o Galo tem sim condições de vencer o Corinthians, vamos torcer e muito!!!

    “UNIÃO DA NAÇÃO ATLETICANA JÁ”

  13. Olá Roberto,parabéns pelos Post`s,todos de ótima qualidade!!!

    Cuca é um ótimo treinador,mas tem errado sim!Faltou melhor leitura de jogo por parte dele ontem e em vários jogos!Confio nele e no elenco para o título,mas nem sempre podemos contar com a sorte após mexidas equivocadas.Dos últimos 12 pontos disputados conquistamos apenas 6,e contra adversários com elenco muito inferior!Não podemos tapar o sol com a peneira,os questionamentos devem ser feitos agora para que os erros não se repitam e no final tenhamos que lamentar um título perdido por faltar 1 ponto por exemplo.Além disso, nós atleticanos sabemos muito bem que se não abrirmos uma boa vantagem de pontos, os árbitros irão tirar nosso título.Já vi esse filme muitas vezes,sou atleticano do tipo que viaja para apoiar o time em outros estados,e hoje sou sócio“Galo Na Veia”!
    Estávamos vencendo um jogo difícil, com apenas 1 volante em campo e amarelado desde o primeiro tempo.Júnior César recebeu amarelo no início do segundo tempo por falta dura, justamente em cima do Cicinho que voava em campo!R49,Danilinho,Berola e Guilherme, 4 atacantes que já não voltavam mais para recompor atrás da linha da bola,e o Marcos Rocha (bufando),visivelmente cansado.Era para um volante canhoto como o F.Soutto ter entrado no lugar do Jô ao invés do Leonardo,já estava no fim do jogo e ele poderia colar no Cicinho que jogava livre!Outra coisa,Leandro Donizete tem crédito,tem jogado muito,mas jogador de marcação não pode ter medo de bolada!Pela segunda vez na semana ele virou de costas quando o adversário ameaçou chutar.Contra o Cruzeiro a bola desviou na sua mão e quase entrou, ainda correu o risco de o péssimo árbitro marcar pênalti, e ontem desviou na sua perna enganando o Victor no segundo gol!
    Contra o cruzeiro,sei que o árbitro interferiu direto na vitória do galo,mas o Cuca teve uma boa parcela de culpa!O adversário além de ter um elenco muito inferior vinha de uma derrota desmoralizante para o Coritiba que estava entre os últimos.O galo entrou em campo moroso e respeitando em demasia, coisa que não vinha acontecendo contra outros adversários.Tinha que jogar como vinha jogando e pressionar!O adversário acabou o primeiro tempo com 5 jogadores amarelados,os mesmos voltaram para o segundo tempo.Ao invés de pedir os jogadores velozes e habilidosos como Bernard,Danilinho,R49 e Marcos Rocha para partirem pra dentro da defesa toda amarelada e conseguir expulsões,continuou com a jogada que não estava funcionando naquele jogo específico.Levantar bola para o Jô brigar pela primeira bola e depois tentar ganhar a segunda.Não colocou o Berola,pelo seu estilo de jogo fatalmente conseguiria uma expulsão. Insistiu com o Pierre com amarelo desde o primeiro tempo e acabou expulso.No fim do jogo poderia ter tirado o Jô para entrada do Serginho,mas o Ronaldinho nunca!!!Depois de uma arrancada de antes do meio-campo desmoralizando toda defesa adversária e cominando em um gol antológico daquele, deixou claro que não estava cansado, diferente do Jô.Depois do gol a simples permanência do R49 em campo exigiria ainda mais atenção da defesa deles ,e o zagueiro adversário jamais estaria dentro da pequena área do galo para fazer aquele gol de empate.
    Contra o Botafogo vencendo um jogo duro por 2X1,faltando 15 minutos para os 3 pontos, colocou o Berola no lugar do Escudero.Tudo bem,perderia um pouco de marcação no lado direito, mas poderia matar o jogo no contra-ataque fazendo 3X1.Sem esperar o novo posicionamento do Botafogo,1 minuto depois sacou o Serginho que nem tinha cartão e estava bem na marcação, e promoveu a entrada do Carlos César que iria demorar a entrar no ritmo da partida que no momento estava a 1000.Essa mudança escancarou o lado direito da defesa, o Botafogo passou a atacar só por ali,em 3 minutos criou 4 chances claras,o pênalti e consequentemente o gol de empate.Todo mundo só lembra do gol heroico aos 43 do segundo tempo com a jogada dos dois jogadores que saíram do banco.Poderíamos ter saído com empate amargo,mas naquele dia a sorte estava do nosso lado,contra a Ponte preta agora,não tivemos a mesma sorte.
    Contra o Atlético GO,errou também! O time líder,não pode respeitar tanto o lanterna ao ponto de não relacionar nenhum atacante para o banco.Isso aumenta a confiança do adversário.Atacante precisa de uma sombra o tempo todo para não se acomodar.Por isso o ataque perdeu tantos gols.O jogador mais ofensivo no banco era o Escudero,que é um meia.O Cuca levou o Leleu e o Paulo Henrique,cortou os dois do banco, mesmo sabendo que o Guilherme não estava 100% fisicamente e relacionou Carlos César,Richarlyson,Serginho e Felipe Soutto.São 4 jogadores que podem executar quase as mesmas funções.Com tantos cruzamentos na área,o Paulo Henrique seria muito útil.No jogo contra o Bahia,foi uma ocasião muito parecida,e ele foi muito bem.No pouquíssimo tempo que jogou colocou 2 bolas na trave, demonstrando boa presença de área!
    Não estou tão preocupado porque acabei de ler uma matéria em que o Cuca diz que precisa rever seus conceitos daqui pra frente.Tenho muita confiança na diretoria,grupo de jogadores,no Cuca e principalmente na nação alvinegra para a conquista do título,mas temos correções à fazer!Galoooooooooo!!!

  14. galera materia do lancenet Em setembro, Flu tem ótima oportunidade para ultrapassar o Galo
    O time comandado por Cuca, ex-técnico tricolor, já começa a mostrar sinais de declínio

    Ta todo mundo principalmente os rivais q brigam pelo titulo, E seus torcedores, ficam chamando agente de cavalo paraguai e bla bla bla… estao certos q vamos cair de rendimento e q a derrota contra o corintinhas eh certa.. ta ai uma boa oportunidade de o galo calar a boca de mta gente e buscar uma vitoria considerada por mtos improvavel la no pacaembu, pq eh nesse hora q aparece os verdadeiros campeos em partridas q todo mundo aposta em derrota e vc vai la e vence. Como quero esse titulo nao eh soh pq sou atleticano, mas pelo tamanho desrespeito q os adversarios tem conosco, se vcs entrarem no blog do florminense, o tamanho da arrogancia eh tanta q nao cabe nem em um gibi, e soh tem uma verdade nisso tudo se o galo nao for campeao, nao adianta falar, q o galo voltou e tudo mais, pq os torcedores rivais na visao deles vao se encher de razao para buzinar na nossa orelha, ta na hora do GALO mostrar q realmente o gigante acordou tendo poder de fogo para decidir o campeonato ao seu favor e ser campeão, ai sim o GIGANTE VOLTOU DE VEZ!!!

  15. Assino embaixo. Cuca deve ser mais conservador, evitar mudar o estilo em que o time está habituado a jogar, caso não seja realmente necessário. Uma das virtudes de um certo Telê Santana era tentar, na medida do possível, jamais alterar o esquema a que estavam habituados seus jogadores.
    No mais, o campeonato é difícil, não tem moleza, pode se perder e recuperar a liderança e assim sucessivamente. Campeão é aquele quem soma mais pontos na última rodada. Poderia ser mais tranquilo, mas, aparentemente, vamos ficar com o coração na mão, até o fim.

  16. PEQUENO DESABAFO DE UM ATLETICANO PREOCUPADO:

    Perfeita sua análise, compadre. Nada a acrescentar.

    Estou com medo da reação da “torcida elitizada” no caso de o GALO não voltar com pelo menos 4 pontos desses dois jogos DIFICÍLIMOS fora de casa. Principalmente levando em conta que já teve imbecis que conseguiram vaiar o time em alguns momentos da partida contra a Ponte.

    Caso acontecer, inclusive, duas derrotas (QUE NÃO SERIA O FIM DO MUNDO), para mim, a MASSA deveria fazer exatamente o mesmo que fez no CT antes do clássico. Carregar esse baita time e passar todo apoio e confiança do mundo para esses jogadores que estão honrando nosso manto como há muito tempo não se via.

    O GALO está há 14 RODADAS na liderança. Se continuar nela até o final, seria 33 rodadas na liderança. Isso aqui é Campeonato Brasileiro, amigos! Isso só acontece (MAS NEM SEMPRE) no Campeonato Espanhol. Seria muito surreal o GALO permanecer na liderança até o final.

    Se todos os times que conquistaram o Brasileirão tiveram uma queda num determinado momento, o momento IDEAL PARA O GALO é justamente agora, nessa virada de turno.

    Não pode é cair o rendimento na reta final. O mês de setembro será pedreira SIM. São 8 jogos no total, apenas 3 em casa. Mas logo ali na frente, em outubro, isso se inverterá. Teremos 4 jogos em casa e dentre eles o mais importante do campeonato: contra o Fluminense; e apenas 2 fora de BH.

    Se o Atlético chegar para esse mês de outubro sem o apoio da torcida será muito difícil, para não dizer impossível.

    Espero que pelo menos os torcedores influentes e formadores de opinião tenham essa consciência e não deixem a CORNETAGEM DOS IDIOTAS afundar esse time que TEM TUDO PRA SER CAMPEÃO DEPOIS DE 41 ANOS.

    Dificilmente teremos outra oportunidade se caso deixarmos escapar esta.

    Se tivéssemos hoje o Mineirão como casa, aquele de arquibancada de cimento e ingressos de todos os preços e para todas as classes, não estaria preocupado como estou agora. Muito pelo contrário, estaria tranquilo e com a certeza absoluta que a MASSA levaria esse time ao título custasse o que custasse.

    Não sou pessimista, quem me conhece acha até exagerado o meu otimismo. Estou apenas com medo dessa “nova torcida” que apareceu nesse momento lindo e fácil. Quero ver é nos percalços que certamente ocorrerá!

    Que DEUS ajude o GALO! E eu acredito muito numa vitória épica sobre o Corinthians, compadre.

    Abração!

Os comentários estão desativados.