ENTRE A CRUZ E A ESPADA

Por trás de todas as novas manobras de acusação perpetradas contra Alexandre Kalil para desestabilizar o Atlético neste momento de importante reposicionamento no cenário nacional, está a cúpula do Cruzeiro Esporte Clube. E da sua executiva, formada por proeminentes e poderosos cruzeirenses. Lá, representantes de todos os poderes estão envolvidos: do executivo, do legislativo e do judiciário. E do quarto poder, a mídia. Tudo para preservarem a instituição que administram.

Como não conseguem estabelecer uma estratégia para reverter as negociações feitas pelo Galo para a exploração comercial do Independência, como o Mineirão não pode oferecer o mesmo para o time do Barro Preto, por todas as questões contratuais que envolvem a concessionária e o governo do estado, como não há caixa suficiente para manter Montillo e/ ou não têm moeda de troca (Libertadores, Ronaldinho Gaúcho…) para fechar ótimas contratações, o que o Cruzeiro e sua cúpula tentam é denegrir, intimidar, criar fatos novos que diminuam o poder atleticano, e que sirvam de alerta ao presidente: “É melhor você ceder, Kalil. Afrouxe a corda do nosso pescoço ou iremos partir pra cima”.

Quem está arquitetando as ações?

Gilvan de Pinho Tavares é um mero aprendiz. Um neófito! Com algum poder em suas mãos, é verdade, pelos anos de Procuradoria. Mas não passa de um dublê de gestor do futebol. Os contratos mal-amarrados, as vendas equivocadas e as apostas frustradas demonstram, à sobeja, a inépcia do presidente do Cruzeiro Esporte Clube.

Todo aprendiz tem um mestre. Não é diferente neste caso. O mentor de Gilvan ocupa cadeira no Senado da República, tal qual Palpatine, senador sith da saga de George Lucas. Como Palpatine, o senador que manipula a marionete celeste chegou ao poder pelas portas dos fundos. Não foi eleito. Foi imposto.

Como escudo, Kalil conta com importantes atleticanos, como o governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia. Contudo, o governador tem a necessidade de contemporizar os ânimos e agradar a todos, atleticanos e cruzeirenses.

Assim, o escudo atleticano pode não ser de todo intransponível. Anastasia deverá recomendar que Kalil deixe o Cruzeiro respirar, que permita que as forças sejam equilibradas. Se o presidente alvinegro se recusar, correrá o risco de ficar sozinho nesta guerra, perdendo o poder político. Sem proteção, será alvo fácil.

Kalil está entre a cruz e a espada.

(Crônica escrita por Christian Munaier, atleticano visceral e criador do Terreiro do Galo, na Globo.com).

PARA SEGUIR O AUTOR DA CRÔNICA NO TWITTER, clique aqui.

SIGA ESTE BLOGUEIRO NO TWITTER clicando aqui

Anúncios

8 comentários sobre “ENTRE A CRUZ E A ESPADA

  1. Bacana Munaier, Bacana mesmo Comandante, poder continuar lendo seus textos e crônicas.

    Mas……. se o Kalil não pode fazer nada, nós da torcida da MASSA podemos.

    E unirmos nossas forças, podemos derrubar os aécios os perrelas facilmente, e que eles fiquem de olho , por que nós podemos derrubar e temos chumbo, para tal.

    Se a mídia não coloca os podres destes malfeitores para todos ficarem sabendo, nós seremos a mídia.

    E podres é que não falta desta quadrilha, se a Policia Federal está com as mãos amarradas, por que os pilantras tem imunidades, nós torcedores não estamos nem ahí com esta tal imunidade, e queremos é HONESTIDADE e JUSTIÇA .

    E Somos MINAS e GALO precisa de mais.

  2. É… estranho mesmo, assim como a BWA também começou a tomar porrada do Estado de Minas depois que as negociações para uso do Mineirão começaram a dar errado para o governo e a Minas Arena.

    No final das contas, quem tem o poder da informação usa como quer e do jeito que quer. E nem sempre o julgado tem a chance ideal de resposta.

  3. Christian, isto é uma prática não rara no cenário politico, é a prática do fascismo: Primeiro denigrem (desastabilizar, colocar dúvida, tirar crédito, jogar o nome na lama), depois criminilizam (ações judiciais, armadilhas para incriminar, articulações nos bastidores com o intuito de apontar crime, comunicação falsa de crime, etc) Depois ELIMINAM (no caso do fascismo era a morte, mas na politica é a morte politica)!
    LAMENTÁVEL que uma instituição, ao ver seu adversário (por suas próprias forças se reerguer e voltar aolugar que nunca deveria ter saido), utilizar de práticas tão sórdidas e pequenas! AVANTE GALO!!

  4. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK Cara é serio que você pensa isso mesmo ? não consigo acreditar que um cidadão que cursou uma faculdade tem algum ensino a mais, realmente acredita nisso. é muita loucura irmão.

    1. Breno, não só o CM acredita, como a maioria da torcida do Galo, inclusive eu, que sou mais ferrenho que o CM.
      E vou mais, meu caro, aécio e perrela são o cancer de Minas Gerais, gostaria que os 2 fossem para o colo do KAPETA.

      Mas pode ter certeza, a hora deles vai chegar, não demora as leis mudam ou eles deixam de ter imunidade parlamentar e , garanto que visito eles na cadeira, só para zuar e cuspir na cara deles.

  5. Boa tarde massa!
    Parabéns Christian. Você com o sempre mandou bem!
    Aliás, você está fazendo falta no terreirão. Seu sucessor é mal educado e puxa saco de jornalistas marias que sempre procuram arranhar a imagem do Atlético e da nossa massa!
    Hoje no programa alterosa AZUL esporte o pau mandado neuber AFIRMOU por várias vezes que o Atlético Não pagou aos jogadores o direito de imagens.
    Imediatamente o Domenico respondeu a produção desse lixo de programa que: “ISSO NÃO COLA MAIS NO ATLÉTICO. 13º , SALÁRIOS DO MÊS E DIREITOS DE IMAGENS FORAM PAGOS RELIGIOSAMENTE EM DIA” e o babaca que tenttou desestabilizar o clube ficou com cara de taxo.
    Parabéns Kalil!!!

  6. Sou sempre contra esta teorias conspiratorias, mas desta vez, pelos processos serem de 2006, ficou evidente que era uma pressão ao Kalil.

    Espera que ele aguente firme, pois não vai ser fácil segurar o rojão, o Galo amargou 2 anos longe de casa por pura incompetencia do estado, ficou com um baita prejuizo e o estado nada fez para ajudar, agora que temos o filé na mão, vão querer que continuemos roendo o osso????

    Sai fora Aécinho cheirador!!!!!!!!!!!

  7. “Chilique de cruzeirense sempre é removido aqui. Não escapa um.”

Os comentários estão desativados.